BIBLIOTECA

HORÁCIO FRUTUOSO | BOCA BIENAL DE ARTES CONTEMPORÂNEAS

12 A 24 SETEMBRO |

FOYER 0

CE: TODOS OS PÚBLICOS







BIBLIOTECA

SINOPSE

“Biblioteca” é a resposta do artista plástico Horácio Frutuoso à proposta de criar uma instalação tendo como ponto de partida o vídeo “A Experiência do Lugar II” de Helena Almeida (integra a Coleção da Fundação PLMJ).
No vídeo, de joelhos, no seu atelier, Helena Almeida vai percorrendo o espaço, preenchendo-o com uma série de gestos não coreografados, espontâneos e improvisando essa relação com objetos que podemos encontrar em qualquer atelier de um artista. Esse percurso aproxima-se de uma imagem de peregrinação, ou procissão, onde são exibidos uma série de símbolos que desfilam honorificamente. Horácio Frutuoso vê-o como uma adoração, ou agradecimento, ao atelier – o espaço mais importante do artista, o lugar onde nem todos entram, onde as obras são criadas e pela primeira vez reveladas ou destruídas.
Frutuoso fala-nos do seu especial interesse por esta relação entre a criação e a morte: “Porque tive uma educação religiosa (embora já não a pratique nem seja crente), tenho especial atenção aos gestos e rituais que lhes estão associados e que inevitavelmente também se aproximam da arte”. Questionando-se então que outros espaços se poderão assemelhar a estes lugares, ele pensou numa biblioteca. Uma biblioteca como um depositário de livros, a tentativa de preservar, a organização hierárquica, os rituais, o silêncio, os livros que são esquecidos, os que são mais requisitados até as folhas se soltarem. Horácio Frutuoso concebeu três objetos em acrílico, com três cores: cristal/transparente, preto opaco e cinzento translúcido, por associação com a pureza das cores/neutralidade e estética de Helena Almeida.

BIOGRAFIA

Horácio Frutuoso nasceu em 1991, no Porto, e atualmente vive e trabalha em Lisboa. Licenciado em Artes Plásticas pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, instituição que lhe atribuiu o prémio aquisição de Artes Plásticas em 2012/2013. Tem também formação profissional em técnicas de produção e fusão de vidro soprado e com molde, pelo CENCAL da Marinha Grande.
Foi membro do grupo académico de investigação em performance SINTOMA, pertencente ao i2ADS da FBAUP. Co-autor do projecto artístico Expedição onde entre 2013 e 2015, produziu e programou diferentes projectos desde exposições individuais a colectivas, performances, residências, email-art, publicações e colaborações com instituições e espaços artísticos independentes.
Na produção do seu trabalho recorre a diferentes meios, estruturando a sua prática a partir do pensamento e organização de uma pintura, onde cruza com a poesia visual, imagens digitais, e a instalação-performance.

FICHA ARTÍSTICA

Produção
BoCA

Co-produção
Fundação PLMJ

Apoio
Estufa Fria

Registo fotográfico
Bruno Simão

PARTILHAR: